O livro Lugares de memória: a França no Rio de Janeiro 

Organização: Lorelai Kury
Autor: Alda Heizer, André Nogueira, Letícia Pumar e Lorelai Kury
Formato: 336 páginas 21X25cm
Fotografia: Rogério Reis

O livro Lugares de memória: a França no Rio de Janeiro reúne um rico acervo histórico combinando textos e imagens sobre uma das identidades imanentes da cidade: a francesa. Fazendo um arco temporal desde do descobrimento até o século XIX e início do XX, a obra perpassa os cenários cultural, arquitetônico, artístico, literário-filosófico, político e científico. A cidade do Rio de Janeiro continua a guardar traços da cultura francesa que seguem vivos no dia a dia dos cariocas; a França permanece como importante referencial até hoje.

De acordo com a expressão cunhada pelo poeta francês Charles Baudelaire, um flâneur é um observador da vida urbana, alguém que perambula sem compromisso pela cidade, mas secretamente atento à história dos locais por onde passa. Flanar por esta obra é revisitar espaços do Rio de Janeiro que se convertem em verdadeiros lugares de memória da presença francesa entre nós.

Compartilhar