Abrolhos: visões de um arquipélago oceânico

Organização: Marco Terranova
Autor: Marco Terranova
Formato: 220 páginas, 23 x 28 cm
Fotografia: Marco Terranova

Marco Terranova focou suas lentes na biodiversidade do lugar, em sua atmosfera paradisíaca e principalmente na grande estrela do arquipélago: a baleia jubarte. O fotógrafo obteve registros de interações entre mãe e filhote e entre espécimes na época de acasalamento. É nessa ocasião que as jubarte oferecem o grande espetáculos dos saltos em que projetam no ar suas majestosas 40 toneladas. O capítulo introdutório, escrito pelo escritor e pesquisador Carlos Roberto Carvalho Daróz, descreve com maestria os primeiros registros dos navegadores a serviço de Portugal, a primeira referência escrita sobre Abrolhos e a importante batalha luso-espanhola contra os holandeses no século XVI.

Os geólogos Ian Fortes e José Carlos Sicoli Seoane fazem um apanhado geológico do arquipélago – suas composições rochosas, a geomorfologia das ilhas e o Complexo Vulcânico do local. Já Janaína Zito Losada e José Augusto Drummond contam como foi criado o Parque Nacional Marinho dos Abrolhos — PNMA, relatando as impressões de cientistas que por lá passaram, como Charles Darwin e Charles Frederick Hartt. Finalizando, a bióloga Ana Cristina Freitas destrincha a biodiversidade marinha do Complexo Recifal dos Abrolhos e a biodiversidade terrestre do arquipélago.

Compartilhar